Assembleia Legislativa do MS.FixoMato Grosso do Sul

Riedel e Paulo Corrêa destacam importância do Mais Crédito para reaquecimento da economia

Deputado Paulo Corrêa e secretário de Infraestrutura, Eduardo Riedel _ Reprodução do Facebook

O secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel, e o presidente da Assembleia Legislativa, deputado Paulo Corrêa (PSDB), deram ênfase ao Programa Mais Crédito MS, cujo projeto para sua concretização já se encontra em tramitação na Alems e deverá ser discutido e votado pelos parlamentares no decorrer da semana.

Sobre o assunto, Eduardo Riedel afirmou que o programa “é fundamental para o reaquecimento da economia nesse momento difícil para a economia do Brasil”. Ele citou como exemplos de beneficiários do programa, o comerciante de cachorros-quentes com o seu carrinho ou os proprietários de um salão de beleza que terão acesso facilitado para a obtenção de crédito. Para ele, os recursos liberados pelo programa vão potencializar esses negócios.

Riedel ainda afirmou que a articulação do Governo do Estado com a Assembleia Legislativa foi de fundamental importância para se chegar até o momento em que Executivo e Legislativo participaram juntos do lançamento oficial do programa. Para ele, rapidamente os recursos estarão disponibilizados aos micro e pequenos empreendedores do Estado.

Paulo Corrêa corroborou com as afirmações de Eduardo Riedel enfatizando que a Assembleia Legislativa dará a sua contribuição, agilizando em plenário a aprovação do projeto que cria o Programa Mais Crédito MS tornando possível o fácil acesso ao crédito a empresários, fomentando a economia de Mato Grosso do Sul.

O PROGRAMA – Lançado pelo governador do Estado, Reinaldo Azambuja (PSDB), o programa permitirá que todos os interessados em contratar o Mais Crédito MS – Programa Estadual de Microcrédito Produtivo e Orientado -, poderão fazê-lo no aplicativo MS Contrata +, da Funtrab/MS.

Reinaldo Azambuja reforçou que será preciso comprovar renda ou faturamento bruto anual de, no máximo, R$ 360 mil e informou que parcelamento poderá ser feito em até 24 vezes, sendo 6 meses de carência e 18 parcelas.

O novo programa de microcrédito tem caráter permanente, que atenderá a todos os municípios do Estado. O projeto de Lei, que cria o Mais Crédito já está na Assembleia Legislativa e, depois de aprovado, será regulamentado por meio de medida que será assinada pelo governador Reinaldo Azambuja.

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo