Campo GrandeFixoPolícia

Fiscalização acaba com festa clandestina e interdita três estabelecimentos no fim de semana

O trabalho é realizado por fiscais da Vigilância Sanitária Municipal (VISA), com apoio de agentes da GCM, Semadur, Agetran e Procon.

Uma festa clandestina com mais de 250 pessoas foi encerrada e três estabelecimentos interditados no fim de semana por descumprimentos às medidas de biossegurança previstas em decreto para conter o avanço da Covid-19, durante a Operação Integrada “Fim de Festa”. O trabalho é realizado por fiscais da Vigilância Sanitária Municipal (VISA), com apoio de agentes da GCM, Semadur, Agetran e Procon.

Conforme o balanço da VISA, nos dias 17 e 18 de julho, foram ao todo 153 estabelecimentos fiscalizados, 24 denúncias atendidas, cinco autos de infração expedidos e três estabelecimentos interditados.

Um bar no Jardim dos Estados, um bar na Moreninha e um espaço de festas no Jardim Centenário, que já havia sido autuado no fim de semana passado por funcionar com a lotação acima da capacidade de 50% e desrespeitar outras medidas de biossegurança.

Festa clandestina

No sábado, as equipes encerraram uma festa clandestina que estava acontecendo em uma chácara com mais de 250 pessoas. Todos estavam aglomerados e sem fazer o uso da máscara.

Os presentes foram dispersados e o proprietário do espaço e os responsáveis pelo evento foram conduzidos para a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac) Cepol para prestar esclarecimentos.

Toque de recolher

Na última sexta-feira, dia 16 de julho, a Prefeitura prorrogou até o dia 31 de julho o Decreto Nº 14.792 de 2 de julho de 2021, que institui o toque de recolher de 23h as 05h, entre outras medidas para conter o avanço do coronavírus em Campo Grande.

 

Fonte PMC.

Redação Gdsnews.

 

 

 

 

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo