Campo GrandeDestaques

Chuva de 40 milímetros e rajadas de vento de 43,5 km/h derrubam muro de cemitério em Campo Grande

Por volta das 6h, ocorreu uma grande pancada, com 20,4 milímetros e a temperatura que a meia-noite era de 25ºC caiu chegou a cair para 20,3ºC.

Um grande volume de chuva, 40,4 milímetros em um intervalo de oito horas, e rajadas de vento de até 43,5 quilômetros por hora provocaram estragos em Campo Grande na manhã desta quarta-feira (22). Parte do muro do cemitério Santo Antonio, na rua 13 de Maio caiu e a queda de uma árvore danificou a grade de um residencial na avenida Senador Antônio Mendes Canale, na região sul da cidade.

Segundo a estação meteorológica do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) em Campo Grande, a chuva forte começou por volta da 1h, com volume de 7,2 milímetros. Por volta das 6h, ocorreu uma grande pancada, com 20,4 milímetros. A precipitação se manteve então, com 6,4 milímetros às 7h, 5,4 milímetros às 8h e 1 milímetro às 9h.

A rajada de vento mais forte foi registrada pela estação por volta da 6h.

A temperatura, de acordo com os dados do Inmet, que por volta da meia-noite estava em torno dos 25ºC, chegou a cair para 20,3ºC às 6h e às 9h teve um discreto aumento para 22,1ºC.

Segundo a meteorologia, a mudança no tempo ocorreu devido a uma instabilidade muito grande sobre o estado, associada a um sistema de baixa pressão, o que levou a formação de nuvens carregadas. A previsão é de mais chuva em Campo Grande ao longo de toda está quarta-feira.

Muro do cemitério

Segundo a administração do cemitério Santo Antonio, a secretaria municipal de Infraestutura e Serviços Públicos já foi comunicada da queda do muro e vai colocar provisoriamente um tapume no local, até que as condições de tempo possibilitem a reconstrução da estrutura.

A administração informou ainda que o muro é muito antigo e caiu porque também estava sendo pressionado por uma árvore que está no local.

Fonte: G1

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo