DestaquesMato Grosso do SulNotícias

Sucuri digerindo animal é flagrada por empresário em rio de águas cristalinas, em Bonito

Uma sucuri gigante foi flagrada digerindo um animal, provavelmente uma capivara, em um rio de água cristalina, em Bonito (MS), pelo empresário Juca Ygarapé.

O flagrante feito na segunda-feira (13), entretanto, não foi o primeiro de Juca, que vive em um dos melhores destinos para o ecoturismo do mundo.

O empresário explicou que a hipótese da sucuri estar digerindo uma capivara foi levantada por causa do tamanho da presa, que estava ao longo do corpo da serpente.

“Quando chegamos, uma parte da sucuri já estava boiando. Deduzimos que ela tinha comido uma capivara por causa do tamanho. Ela não consegue afundar, fica ali por muito tempo digerindo o alimento. Ficamos abismados com o tamanho. A gente já fica espantado com algumas sucuris! Quando elas comem, se transformam. É muito doido! “, descreveu Juca.

O empresário conhece bem as águas cristalinas dos rios de Bonito há mais de 20 anos. “Na época do inverno elas [sucuris] saem para fora, acasalam, trocam de pele, comem e voltam para toca. Geralmente a fêmea é a maior. A maior que vimos tinha 8 metros”, relembra.

A curiosidade pelas sucuris virou um verdadeiro fascínio para Juca. “Fazemos trabalhos de conscientização, pois as sucuris não atacam as pessoas. Já acompanhei inúmeras pessoas para expedições. Acompanham por curiosidade, por apreciação e para entender a vida das sucuris”.

A especialista, que também coordena um projeto voltado para as sucuris na região de Bonito, ressaltou que nesta época do ano é bastante comum que mais sucuris sejam vistas na região por causa do frio do inverno, quando as serpentes buscam manter-se aquecidas pela luz solar.

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo