DestaquesEntretenimentoMato Grosso do Sul

Agnaldo Timóteo morre de Covid-19 aos 84 anos

Agnaldo Timóteo

Morreu na manhã deste sábado (03) o cantor e compositor Agnaldo Timóteo, aos 84 anos. Ele estava internado desde 17 de março na Casa São Bernardo, e precisou ir para a UTI após piora clínica do quadro.

Em comunicado dado pela família na última sexta-feira (02), Agnaldo teve mais uma piora. Parentes e amigos pediram uma corrente de orações para o artista. “Temos a convicção que Timóteo está dando o seu melhor para vencer essa batalha e a guerra contra a Covid-19. A equipe médica permanece confiante na sua plena recuperação. Convidamos os amigos, fãs e todos os brasileiros a participarem juntos, todos os dias dessa Corrente de Fé”, escreveram.

Natural de Caratinga, Minas Gerais, Agnaldo começou trabalhando como mecânico, fazendo poças para automóveis que construíam estradas e rodovias. Sempre apaixonado pela música, se mudou para o Rio de Janeiro em 1960. Entre 1964 e 1969, o cantor lançou oito discos e ganhou destaque na Jovem Guarda. Ao longo da vida, Agnaldo lançou 62 discos.

Mostrar Mais
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar